Por simples curiosidade

"A gente começa a amar por simples curiosidade, por ter lido num olhar certa possibilidade. E como, no fundo, a gente se quer muito bem, ama quem ama somente pelo gosto igual que tem. Depois a gente começa a repartir dor por dor e se habitua depressa a trocar frases de amor. E, sem pensar, vai falando de novo as que já falou... Então, continua amando só porque já começou" (Paul Géraldy).
*Assim fico eu diante do amor. Sem segredos. Aproveitando cada instante, valorizando cada minuto.

4 comentários:

Cláudia Valéria disse...

Adorei!!!

Falk Brito disse...

Obrigado Cláudia. Beijos.

Ivani disse...

Linda postagem!
Beijos,

Falk Brito disse...

Obrigado Ivani. Beijos.

MEU PAPEL É SER SUA COMPANHIA.
falkbrito@gmail.com